Warning: Undefined array key "options" in /var/www/html/wp-content/plugins/elementor-pro/modules/theme-builder/widgets/site-logo.php on line 192 Mulheres empreendedoras: Elas trocaram o emprego fixo para abrir PUB inspirado na culinária inglesa em Ribeirão Preto - WITRI

Mulheres empreendedoras: Elas trocaram o emprego fixo para abrir PUB inspirado na culinária inglesa em Ribeirão Preto

Mulheres empreendedoras Elas trocaram o emprego fixo para abrir PUB inspirado na culinária inglesa em Ribeirão Preto

Compartilhe este conteúdo:

Fabiana Fudimura Munakata trocou o emprego fixo na área de marketing, na qual chegou a coordenar uma operação com mais de 120 funcionários que prestavam serviços para grandes redes como Magalu, Casas Bahia, Carrefour, entre outras, para ter o próprio negócio. Além de deixar para trás o emprego estável, resolveu empreender no setor de alimentação, que mesmo após ter sido duramente afetado pela pandemia, começou a se reerguer.

A empresária trocou a cidade de São José dos Campos (SP) para empreender em Ribeirão Preto (SP), ao lado da cunhada, Cátia Yumi Munakata da Costa. Elas são exemplos de como o empreendedorismo feminino, apesar de entraves históricos e culturais, avança no país, seja para quem busca empreender por necessidade ou tem o sonho de realizar um projeto.

Empreendedorismo feminino

Dados do Instituto Rede Mulher Empreendedora (IRME) apontam que quase metade dos pequenos negócios no Brasil são liderados por mulheres. Pesquisa mostra ainda que mais de 40% das empreendedoras sustentam suas famílias com o dinheiro do negócio. 

Já pesquisa da Global Entrepreneurship Monitor (GEM) de 2020, produzido pelo Sebrae em parceria com o Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade (IBPQ) aponta que 55% das mulheres brasileiras decidiram iniciar os seus negócios por necessidade de obter renda.

Franchising presente em Ribeirão Preto

Muitos empreendedores buscam o franchising para começar o seu primeiro negócio por se tratar de um empreendimento mais seguro. A segurança do setor e as oportunidades geram bons resultados.

Ribeirão Preto é carinhosamente conhecida como a “Califórnia brasileira”, o apelido gringo surgiu na década de 1990, devido ao local se apresentar como um verdadeiro centro econômico no interior de São Paulo, um prato cheio para novas empresas se instalarem na cidade. O local soma mais de 700 mil habitantes, além de ser o 21º maior PIB brasileiro.

Análise realizada pela Associação Brasileira de Franchising (ABF) identificou 1.264 unidades franqueadas na cidade de Ribeirão Preto no 1º trimestre deste ano. O setor ainda registrou faturamento acima de R$ 324 milhões, além de ser responsável por gerar 10.401 empregos. No acumulado dos últimos 12 meses, o faturamento ultrapassa a casa de R$ 1,4 bilhão.

O crescimento do franchising local tem a ver com o processo de interiorização de franquias que vem ocorrendo nos últimos tempos, se tornando tendência e que favorece cidades do interior no país. 

Do Japão para o Brasil

Fabiana morou durante oito anos em Nagano, no Japão. Lá conheceu seu esposo, irmão de Cátia, que juntas apostaram no sonho de abrir um empreendimento no Brasil. Cátia continua morando no Japão com a família, na qual gerencia com o marido alguns estúdios de tatuagem no exterior, e também auxilia nas questões administrativas da franquia à distância.

Elas escolheram a franquia FiChips Food – maior rede brasileira de fast food de prato especializado na culinária do Reino Unido – para começar a empreender. O espaço oferece o tradicional peixe empanado com batatas fritas, o “fish and chips”, além de batata recheada e os saborosos lanches ingleses.

“Por ser uma das comidas mais famosas do Reino Unido, algumas pessoas que já estiveram em Londres querem relembrar o “gostinho” de lá e os que não estiveram têm a curiosidade de saber mais sobre essa iguaria. A batata recheada, o escondidinho inglês (Shepherd’s Pie) e a torta banoffee também fazem muito sucesso em nossa unidade”, conta Fabiana.

Estratégias de relacionamento

Para “fisgar” o cliente, o mercado tem se reinventado. Não é à toa que notamos estratégias criativas que se destacam entre os concorrentes.

Na unidade de Ribeirão Preto, por exemplo, a franqueada optou por criar um cardápio para lojistas e comerciantes próximos. Através de um cartão fidelidade tem permitido esses trabalhadores a terem descontos nos pratos.

Parcerias para alunos têm sido bem aceita através de combos de lanches para colégio e escolas de idiomas com um preço especial para pequenos grupos através de pré-agendamento. Aqueles que querem comemorar o aniversário ou fazer reuniões de trabalho e confraternização há espaço exclusivo. No caso de aniversário, acima de 10 pagantes a empresa oferece bolo ou banoffe de cortesia.

Outra estratégia que vem dando certo é o prato do dia, para cada dia da semana um prato ou combo com valor especial.

“Acreditamos que as ações de relacionamento representam o nosso elo e o respeito por nossos clientes. E é através delas que esperamos fidelizar e conquistar nosso público. Num cenário onde a concorrência é enorme precisamos nos destacar, fazer diferente. Queremos encantar, reter e levar nossa culinária para o maior número de pessoas”, diz a empreendedora.

Espaço instagramável 

Cada vez mais as empresas estão apostando em um ambiente descolado, com muitas luzes néon, decorações que permitem a divulgação do negócio pelo próprio cliente através de fotos irreverentes, o que consequentemente aumenta a chances da base de consumidores devido a boa experiência no local. Essa característica é conhecida pelo termo “instagramável”.

Esse conceito também está presente na unidade da Fabiana e Cátia. Por estarem em um imóvel antigo, as empresárias optaram por preservar toda a arquitetura dando um toque industrial ao que já existia.

Já a decoração fica por conta de vários ícones tradicionais que remetem a Londres, como uma releitura do ônibus inglês no espaço kids. O famoso telefone vermelho instalado na entrada do PUB, além de um totem do guarda inglês, o “Aquiles”, que é o mascote da FiChips e dá as boas-vindas aos clientes.

“Criamos um espacinho que é tematizado de acordo com algum período festivo, como por exemplo, Dia das Mães, Namorados, Pais, entre outras datas. Isso possibilita render boas fotos, bem como aumentar a própria divulgação da empresa de forma espontânea”, revela a franqueada.

Nem tudo são flores

De cara, as empreendedoras enfrentaram um longo obstáculo no negócio. Dias após a inauguração da loja um enorme canteiro de obra tomou conta ao longo da avenida que está localizado o restaurante. Parte da loja ficou interditada por conta dessa obra de melhorias pela Prefeitura, e isso impactou nos negócios. Foram meses nessa situação caótica. Porém, hoje a avenida está revitalizada e o fluxo de consumidores voltou ao normal.

“Apesar de todas as dificuldades das grandes corporações, não é fácil abandonar a rede de proteção que o emprego fixo oferece para então seguir sozinho. Os desafios são diários, existem as preocupações com impostos, burocracias, gestão de pessoas, riscos financeiros, inovação, entre muitas outras questões. Todo desafio só é superado no dia a dia do negócio. Para isso, é essencial entender o perfil do seu cliente local, tornar seu negócio conhecido para o mercado e lidar com a concorrência também fazem parte do desafio de ser empresário”, enfatiza Fabiana.

Por outro lado, a franqueada conta que os benefícios também são diários, como lidar com o que gosta gera prazer e satisfação pessoal, ter mais flexibilidade de tempo e horários, gerar empregos e a tão sonhada independência financeira.

Sobre a FiChips Food

A FiChips Food é uma rede de franquias brasileira de fast food de prato especializado na culinária do Reino Unido, que nasceu como o primeiro fast food de filé de peixe empanado com batatas fritas do Brasil, e desde então vem ganhando o mercado local. A franquia, que se tornou a maior do país com a culinária inglesa, trabalha com quatro modelos de negócios: container, shopping, quiosque e loja de rua em formato de pub, com investimento inicial a partir de R$ 174 mil, e retorno do investimento previsto entre 16 a 24 meses, além de contar com alta rentabilidade e fácil gestão. Todos os modelos são habilitados para trabalhar delivery e possui um cardápio único, com opções para todas as horas do dia, incluindo menu elaborado para crianças.