Warning: Undefined array key "options" in /var/www/html/wp-content/plugins/elementor-pro/modules/theme-builder/widgets/site-logo.php on line 192 Instituto Campus Party e Fundação Renova firmam parceria para implantação de laboratórios tecnológicos - WITRI

Instituto Campus Party e Fundação Renova firmam parceria para implantação de laboratórios tecnológicos

Instituto Campus Party e Fundação Renova firmam parceria para implantação de laboratórios tecnológicos

Compartilhe este conteúdo:

O Instituto Campus Party (ICP) acaba de firmar uma parceria com a Fundação Renova, uma organização não governamental privada e sem fins lucrativos, para a implantação de três novas unidades do programa Include, sendo dois em Minas Gerais, nas cidades de Mariana e Governador Valadares e, um no Espírito Santo, em Linhares.

“Estamos muito felizes com o apoio da Renova para a implantação desses novos laboratórios. Por meio do Include abrimos portas para um mundo de possibilidades para crianças e jovens que muitas vezes não têm acesso a recursos tecnológicos em seu cotidiano. A inclusão vai além de apenas ter acesso a ferramentas tecnológicas e digitais, ela implica em garantir que todos tenham acesso a conhecimentos, habilidades e oportunidades no mundo tecnológico e digital”, explica Sidiane Zanin, Diretora do Instituto Campus Party.

O Include tem por objetivo inserir adolescentes e jovens ao ambiente digital, por meio do ensino gratuito de robótica, programação, eletrônica, sensores e mecânica, além de oficinas de empreendedorismo e IOT (Internet das Coisas). Todos os laboratórios possuem mobília e equipamentos de primeira linha para ensino de robótica, computadores, impressoras 3D, óculos de realidade virtual, drones, entre outros.

Para Ana Cristina de Alvarenga Lage, Coordenadora de Economia e Inovação, da Renova, a parceria permite desenvolver habilidades digitais importantes para jovens carentes da região do Rio Doce.

“Estamos otimistas com o início dessa parceria e acreditamos que os laboratórios tecnológicos Include serão muito importantes para o fortalecimento de uma cultura de inovação ao longo do Rio Doce, por possibilitar a mais de 600 jovens o acesso a novas tecnologias que já são fundamentais para a economia atual.”

Ana Cristina de Alvarenga Lage

Atualmente, o projeto conta com mais de 60 unidades implantadas em 59 cidades dos Estados de Goiás, Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Bahia, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e Espírito Santo e já ofertou mais de 20 mil vagas em todo Brasil.