Warning: Undefined array key "options" in /var/www/html/wp-content/plugins/elementor-pro/modules/theme-builder/widgets/site-logo.php on line 192 Innoway aposta na análise de dados para promover cultura de inovação nas empresas - WITRI

Innoway aposta na análise de dados para promover cultura de inovação nas empresas

cultura-de-inovaçao-nas-empresas

Compartilhe este conteúdo:

Inovar o presente para impactar o futuro é o propósito da Innoway, plataforma de inteligência de dados para a aceleração da cultura de inovação em organizações. A empresa cria planejamentos personalizados, a partir da análise de informações das instituições atendidas. Até hoje, foram mais de 170 projetos realizados, para clientes como: Eletronorte, ArcelorMittal, Randon, Todeschini, Alvarez&Marsal, Digitro, Colgate Brasil e Sodexo. Só no último ano, a Innoway teve um crescimento de 100% em relação a 2021. Para 2023, a expectativa é chegar a 300%.

A startup foi fundada em 2020, na cidade de Florianópolis, Santa Catarina pelos empresários Gerson Ferreira e Daniel Alves, que hoje é também o CEO da empresa. “Com nossas experiências de outras companhias, eu e o Gerson, percebemos um grande potencial de inovação que não era utilizado pelas instituições. Com a pandemia, isso ficou ainda mais evidente e foi quando notamos um certo déficit do mercado. Nessa época, elas tentavam inovar, mas esbarravam em dificuldades culturais para embarcar com a agilidade que o momento demandava, novos processos, tecnologias e novas formas de trabalhar. A partir disso, nós criamos a Innoway, uma empresa que ajuda organizações a serem transformativas. A capacidade de inovar é o que vai determinar o quanto um negócio está preparado para ser longevo e competitivo por se adequar e/ou criar o futuro”, explica o CEO.

A companhia oferece aos clientes quatro tipos de serviços: mapeamento, indica o poder de inovação de uma organização. Ela acontece 100% digital com os líderes e colaboradores, para definir o que precisam para inovar mais e melhor; mentoria, traz o líder de inovação da empresa ao protagonismo. Tira-o de uma posição até então passiva e faz com que ele, por meio dos dados e do plano, lapide todo o projeto utilizando do Know-how dos analistas de inovação para adequar as prioridades à realidade execucional da organização; imersão, encontro de um a dois dias com um grupo de até 12 pessoas, que formam um comitê para fazer a gestão da cultura de inovação, nesse encontro eles escolhem as prioridades com base no relatório; e capacitação, dois encontros com 4 módulos, onde os executivos têm um aprofundamento dos conceitos da Innoway. curso fundamentado na tese e metodologia dos conceitos da startup.

A Innoway inicia seus projetos buscando dados na fonte mais assertiva que uma empresa pode ter: suas pessoas. “De forma digital e muito rápida, os dados que coletamos são transformados por meio da nossa metodologia proprietária, em informação de alto valor estratégico. Para isso, medimos, analisamos e correlacionamos mais de 80 temas para formar o Poder de Inovação. Essa métrica principal norteia a potencialidade transformacional do plano de aceleração, feito de modo personalizado para que a organização consiga aplicá-lo dentro de suas capacidades atuais, assim como já dá diretrizes para que sejam iniciadas ações para ir sempre um passo além”, afirma Evandro Lorenzoni, sócio da Innoway.

“Nós começamos o projeto a partir de um questionário de 20 perguntas que mapeia e acessa a capacidade de inovação dos colaboradores das empresas. Logo em seguida, processamos esses dados e chegamos ao poder de inovação daquela empresa, que pode ser básico, avançado ou fluente. A partir disso, os nossos sistemas conseguem criar o plano de aceleração.”

Gerson Ferreira

As organizações que têm mais poder de inovação apresentam vantagens significativas em comparação às demais, como: mais de 67% de competitividade, 45% de poder de inovação, 43% de criatividade, entre outros benefícios. Um cliente do ramo de consultoria teve como resultado, utilizando os serviços da startup, o aumento de 30% da sua receita.

A startup está em fase de expansão, com cerca de 210 clientes em sua base, recebeu propostas de investimentos e concretizou o aporte de R$500 mil que recebeu da Semente Negócios pela complementaridade de propósito entre as empresas, esperando acelerar ainda mais o seu crescimento. “Essa quantia será utilizada para direcionar alcance em automação dos sistemas e democratização deles. Ano passado, dobramos de tamanho, e este ano essa ascensão será em pelo menos quatro vezes que vimos em 2022”, enfatiza Daniel Alves.