Warning: Undefined array key "options" in /var/www/html/wp-content/plugins/elementor-pro/modules/theme-builder/widgets/site-logo.php on line 192 Empreendedorismo de Base se reúne em Brasília e apresenta propostas por mais inclusão e acesso a direitos fundamentais - WITRI

Empreendedorismo de Base se reúne em Brasília e apresenta propostas por mais inclusão e acesso a direitos fundamentais

Empreendedorismo de Base

Compartilhe este conteúdo:

Micro e pequenos empreendedores, empresas, organizações sociais e lideranças e atores do ecossistema empreendedor se reuniram hoje (18) na Câmara dos Deputados, em um encontro promovido pela Frente Parlamentar da Mulher Empreendedora, para discutir a realidade da empreendedora brasileira e como contribuir para o acesso aos direitos básicos e a capacitação.

Na abertura do encontro a Deputada Any Ortiz destacou a importância da capacitação para as microempreendedoras e defendeu a necessidade de ampliar cursos de educação financeira para as que estão começando seus negócios.

Helena Casanovas Vieira, cofundadora da Aliança Empreendedora, instituição que é referência nacional em inclusão empreendedora e no desenho e execução de negócios inclusivos, em seu discurso em plenário defendeu a importância de se ter realizado a quinta edição do Fórum Brasileiro de Microempreendedorismo em Brasília, uma vez que é o principal local para promoção de discussão de políticas públicas em prol do auxílio das mulheres empreendedoras que estão em vulnerabilidade social.

“É importante unirmos o empreendedorismo, uma das ferramentas do mundo do trabalho, com a assistência social, eles não podem andar separados. Principalmente porque as pessoas em situação de vulnerabilidade não podem ter medo de perder benefícios sociais para empreender.”

Helena Casanovas Vieira

As possibilidades de negócio proporcionadas pelas redes sociais e a importância em se capacitar a empreendedora também foram tema do encontro. Kaliana Kalache, head de Políticas Públicas da Meta no Brasil, apresentou números que contribuem para entender melhor o ecossistema. Atualmente 74 % dos empreendedores utilizam o WhatsApp para vender e 94% dos empreendedores estão no Instagram. Diante destes números destaca a importância de se realizar treinamentos gratuitos para que as pessoas possam utilizar de modo efetivo as ferramentas digitais nos negócios.

O chefe de cozinha e fundador da Gastronomia Periférica, Edson Leite, salienta que encontros com este auxiliam na ocupação de espaços, como o Congresso Nacional, por parte das mulheres pretas periféricas e contribuem para criar ambientes mais diversos. Além disso, são uma oportunidade para dar luz a realidade das favelas.

Em busca de soluções para o ecossistema empreendedor

O encontro, promovido pela Frente Parlamentar da Mulher Empreendedora, encerra o Fórum Brasileiro de Microempreendedorismo que teve início na última quarta-feira (17) e contou com a presença de cerca de 400 lideranças, atores do ecossistema empreendedor, institutos, fundações, empresas e organizações sociais, autoridades do Governo Federal e gestores de Governos Estaduais e Municipais, micro e pequenos empreendedores.

Os dois dias do Fórum contou com painéis, encontros estratégicos e com a participação de Décio Lima, Presidente do Sebrae Nacional; Kalyne Lima, Presidente da Central Única das Favelas (CUFA); Paola Loureiro, da Rede Brasileira de Renda Básica; Luis Carlos Everton, Secretário de Inclusão Socioeconômica – Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome; Mauro Oddo, do IPEA; Barbara Schmidt Rahmer, da Rede Vencer Juntos e Fundo Nordeste Solidário e outros importantes atores dessas temáticas.

Os participantes discutiram medidas para alavancar o empreendedorismo de base no país e outros temas como inclusão produtiva, valores mais altos de crédito individual e instrumentos de segurança para que empreendedores em situação de vulnerabilidade possam começar e manter seus negócios de forma justa e digna O Fórum é uma iniciativa da Aliança Empreendedora, em parceria com o Bank of America, Meta, Instituto Assaí, Fundação Arymax, Caixa Econômica Federal e Sebrae.