Warning: Undefined array key "options" in /var/www/html/wp-content/plugins/elementor-pro/modules/theme-builder/widgets/site-logo.php on line 192 20 startups de educação e empregabilidade concorrem a investimentos a partir de 100 mil dólares - WITRI

20 startups de educação e empregabilidade concorrem a investimentos a partir de 100 mil dólares

20 startups de educação e empregabilidade

Compartilhe este conteúdo:

Com o objetivo de aumentar a diversidade no perfil de fundadores de startups e diminuir o gap no acesso ao investimento, surgiu o Potencia UP, primeiro programa de Venture Capital afirmativo para empreendedores diversos como mulheres, pessoas negras, da comunidade LGBTQIA+, pessoas com deficiência, periféricas ou 60+. A iniciativa é realizada pela Potencia Ventures, grupo de investimentos focado em negócios de impacto social voltados para educação e empregabilidade.

No final de 2022, o programa selecionou 20 startups com impacto nos setores de atuação da Potencia Ventures que tenham, pelo menos, um MVP (mínimo produto viável). Ao longo de 2023, essas empresas vão acessar benefícios e trocas de experiências com empreendedores, investidores e executivos.

As startups selecionadas são: aTip, AUREM, B2Mamy, Barkus, Diversidade.io, EcoCiclo, EducaTRANSforma, Edukazap, Ela Faz Tecnologia em Serviços, FazGame, Inventivos, Kiddle Pass, {Parças} Developers School®, Prol Educa, Redesign For All, Toti Diversidade, Trampay, Troca, Unmaze e UpMat Brasil Educacional. As empresas escolhidas transitam por diversos setores e promovem um impacto social positivo na sociedade, desde neurodiversidade, acessibilidade e igualdade de gêneros até acesso educacional e representatividade.

O Potencia UP dura 12 meses e oferece aulas de inglês com a vc_tb, workshops de negócio com a Artemisia e uma sequência de mentorias sobre encaixe do produto com o mercado (product market fit) e captação de investimento (fundraising). Até o final do programa, a Potencia elegerá 5 delas para investimento de cheques a partir de 100 mil dólares, a depender da necessidade da startup.

“Acreditamos que há talento empreendedor de todos os gêneros, cores, capacidades, orientações sexuais, localidades e idades. Além disso, a indústria de VC precisa se desenvolver no quesito de aproximação e apoio a empreendedores diversos, por isso, a ideia do Potencia UP é ser uma comunidade de troca e aprendizado dos empreendedores entre si e com demais players do mercado, além de fomentar o investimento final em iniciativas de diversas, inclusivas e de real impacto social”, finaliza Collini.