Warning: Undefined array key "options" in /var/www/html/wp-content/plugins/elementor-pro/modules/theme-builder/widgets/site-logo.php on line 192 Quer empreender e não sabe por onde começar? CEO de startup dá 5 dicas - WITRI

Quer empreender e não sabe por onde começar? CEO de startup dá 5 dicas

Empreendedorismo

Compartilhe este conteúdo:

Quase metade dos brasileiros – 46% – querem empreender, segundo o relatório Global Entrepreneurship Monitor, realizado pelo Sebrae e pelo Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade. Contudo, para quem não tem experiência em gerir o próprio negócio, esse começo pode ser desafiador.

“Manter um empreendimento com bons resultados é um grande desafio, mas o primeiro e mais importante passo é começar e existem alguns pontos que devem ser considerados com atenção, pois podem impactar o sucesso lá na frente”, alerta Alécio Cavalcante, co-CEO da Ubiz Car, aplicativo de mobilidade urbana, conhecido como Uber do interior.

Alécio Cavalcante, co-CEO da Ubiz Car

Com a experiência de quem abriu seu próprio negócio e vê o empreendimento se expandir e dar bons resultados, Alécio traz cinco dicas para quem tem vontade de empreender, mas ainda não sabe por onde começar. Veja abaixo: 

1 – Onde empreender?

A partir da sua ideia de negócio, analise o melhor local para colocá-la em prática, se é necessário ter um escritório, se ele deve estar localizado no centro da cidade ou se pode ser mais proveitoso pensar em empreender em uma cidade interiorana, já que muitas vezes, no interior, há carência de serviços de qualidade e a concorrência é menor. “O recomendado é fazer uma pesquisa de mercado e verificar o que os concorrentes fazem. Tenha claro em sua cabeça qual é o seu propósito e seu orçamento inicial, para que isso guie suas decisões”, orienta o executivo.  

2 – Quem são seus clientes?

Para visualizar melhor quais devem ser suas estratégias, é essencial estudar o público-alvo do negócio. Identifique quem será a pessoa atingida pelo seu produto ou serviço e, a partir disso, busque entender como se comunicar com ela e que linguagem você deve usar. “Essas definições são importantes e influenciam o site e as redes sociais do negócio, além de todas as peças de comunicação usadas. A comunicação deve ser atraente e pensada no cliente final”, recomenda Cavalcante. 

3 – Estratégias de marketing 

Uma vez que já se conhece o público-alvo, as estratégias de marketing podem ser planejadas. Dentre as opções disponíveis, considere o marketing digital, incluindo suas diferentes vertentes, como o marketing de conteúdo e o inbound marketing, conforme cada objetivo. “Além de planejar boas estratégias, é importante acompanhar as métricas de alguns indicadores, pois elas apontam as iniciativas mais bem-sucedidas e aquelas que devem ser repensadas”, explica o co-CEO.

4 – Planejamento financeiro 

A partir do momento em que você já tem identificado qual será o seu negócio e as estratégias iniciais de divulgação, comece a montar um planejamento. Coloque os custos previstos no papel e faça uma projeção orçamentária de pelo menos seis meses. Lembre-se sempre de garantir uma reserva de emergência para imprevistos e para os meses em que as metas não sejam atingidas. “Esse primeiro esboço pode ser reescrito ao longo do tempo e da prática do negócio, mas é importante ter uma noção inicial de gastos e manter uma planilha de controle atualizada”, sugere Cavalcante.

5 – Retenção de clientes 

Por fim, mas não menos importante, pense em estratégias voltadas à retenção de clientes. Preços baixos e outras promoções são ótimas formas de fazer com que novas pessoas conheçam o seu negócio, mas não necessariamente fazem com que haja fidelização. Então quando falamos em reter clientes, falamos em criar uma experiência diferenciada. “Isso pode ocorrer de diversas formas, mas certamente envolve um bom atendimento e alguma personalização. Para empreender com sucesso e ser diferenciado, é importante oferecer à clientela um tratamento memorável”, finaliza o executivo. 

5/5 - (1 vote)