Warning: Undefined array key "options" in /var/www/html/wp-content/plugins/elementor-pro/modules/theme-builder/widgets/site-logo.php on line 192 Dicas de gestão que todo novo empreendedor deveria receber . - WITRI

Dicas de gestão que todo novo empreendedor deveria receber .

Haroldo Matsumoto

Compartilhe este conteúdo:

Empreender é, mais do que um desejo, uma realidade para uma série de brasileiros. O empreendedorismo passa a fazer parte da vida das pessoas nas mais variadas situações; Há quem planeje esse novo momento da vida, como também existem aqueles que partem para um negócio próprio depois de perder o emprego formal e, em outros casos, pessoas que tentam combinar a vida de empreendedor e seguir como colaborador de outra empresa. O fato é que de acordo com um levantamento da Contabilizei, feito a partir de dados da Receita Federal, o país registrou mais de 2 milhões de novas empresas abertas apenas no primeiro semestre de 2022. 

Independente de como o empreendedorismo surge na vida de cada um, é comum perceber, especialmente entre os novos empreendedores, que todos carregam uma série de dúvidas e inseguranças. Afinal de contas, empreender requer uma boa dose de coragem, de resiliência, de preparo – que em muitas situações é praticamente impossível – além de uma série de outras características indispensáveis. Não é para menos. De acordo com o Sebrae, quase metade das empresas deixam de existir em apenas dois anos de operação e isso acontece por fatores como falta de planejamento e de capacitação, por uma gestão pouco competitiva e por falta de atualização do negócio. 

Diante disso, avalio que há algumas dicas de gestão que são essenciais para todo novo empreendedor. Sabendo de cada uma delas e aplicando essas orientações nas empresas, elevamos as chances de que o negócio venha, realmente, a se consolidar no mercado. Na minha percepção, essas dicas são as seguintes: 

– Invista tempo no negócio 

Quando falamos em empreender, a flexibilidade de tempo é uma lenda. Todo novo empreendedor vai precisar trabalhar muito, uma vez que precisará exercer uma série de funções para que a empresa possa se desenvolver. Um negócio só é construído se colocarmos as mãos na massa. Sendo assim, acredite, você vai dedicar muito mais do que apenas 8h diárias à sua própria empresa. 

– Entenda o seu mercado e o seu público 

Tenha em mente que conhecendo o seu mercado e sabendo quem é o público que o seu negócio precisa atingir, fica um pouco mais simples não só de direcionar os esforços para atrair a atenção desses potenciais clientes, mas de selecionar regiões de atuação, como desenvolver ações de marketing, etc. 

–  Não se esqueça do branding 

Toda empresa, independente do seu tamanho, deve ter, além de um nome da marca e de um slogan, alguns aspectos muito bem definidos. Falo da Visão, dos Valores e da Missão da empresa. São eles que vão nortear como a empresa vai se posicionar no mercado, como ela vai se diferenciar das concorrentes e até de que forma ela irá crescer. Pode parecer um detalhe pequeno, mas não é. 

– Tenho um plano de vendas 

Vendas são a base de sustentação de uma empresa. Afinal de contas, sem vender não há receita. Compreenda como funciona o funil de vendas, saiba como preparar os seus vendedores – se os tiver – ou como se preparar para vender o produto ou o serviço que tiver em mãos. Se o produto for novo no mercado, será necessário criar uma cultura de consumo. 

– Estabeleça uma estratégia de marketing 

Use as redes sociais a seu favor publicando conteúdos atraentes, que possam despertar o interesse nos seus produtos ou serviços. Firme parcerias com players que tenham afinidade com a sua empresa, promova ações especiais em datas comemorativas relacionadas ao seu negócio, trabalhe com indicação, invista no relacionamento com o cliente. No meio digital há uma infinidade de possibilidades e muitas vezes sua realização é possível mesmo que com um investimento mais baixo. 

– Planejamento financeiro é essencial 

Administrar as finanças da empresa é imprescindível se você quiser que o seu negócio se desenvolva de forma saudável. Primeiro, é extremamente importante que você consiga separar CPF de CNPJ e que tenha uma reserva própria para manter. Saiba planejar e executar planilhas, registrando entradas e saídas de capital de maneira rígida. Esses registros serão úteis para que você possa entender, inclusive, a sazonalidade de vendas, reconheça despesas variáveis e possa avaliar formações de estoque, no caso de produtos. Também é importante definir como se dará a captação de recursos e em quais momentos um empréstimo pode ser benéfico. Não deixe de fazer projeções financeiras e tenha um bom contador para auxiliar. 

– Crie uma rotina 

Por fim, recomendo seriamente que você estabeleça uma rotina. Se no início a sua empresa estiver estabelecida dentro de casa, cuide para que você tenha um espaço de trabalho, determine horários de trabalho, formas de execução de determinadas tarefas e procure ser fiel àquilo que for ‘desenhado’. A disciplina é o segredo para o sucesso e somente a repetição vai levar à perfeição. 

É claro que existem muitos outros pontos relativos à gestão, que contribuem para o sucesso de uma empresa. No entanto, avalio que esses são os principais no caso de quem está empreendendo pela primeira vez. Coloque cada um desses pontos em prática e prospere!